SPECT de Perfusao Cerebral

INFORMAÇÕES AO PACIENTE SOBRE O EXAME DE SPECT CEREBRAL

O que é SPECT cerebral?

Basicamente, o SPECT de perfusão cerebral, consiste na injeção na veia de radiofármacos lipossolúveis que apresentam a capacidade de atravessar a barreira hemato-encefálica e concentrar-se dentro das células cerebrais (neurônios) proporcionalmente ao aporte sanguíneo e, indiretamente, proporcionalmente a demanda funcional (metabolismo cerebral).

Para que serve o exame?

O SPECT de perfusão cerebral possibilita a análise do fluxo sanguíneo e função ou metabolismo cerebral. Suas principais aplicações são:

  • Localização de foco epileptogênico, sendo método de fundamental importância na avaliação pré-operatória de epilepsias focais de difícil controle, idealmente em conjunto com o vídeo-EEG e ressonância magnética;
  • Diagnóstico precoce, planejamento e controle terapêutico, além de avaliação prognóstica de doenças cérebro-vasculares (“AVCs”, “derrames”);
  • Critério de confirmação de suspeita de morte cerebral;
  • Diagnóstico diferencial de demências, principalmente do tipo vascular e Doença de Alzheimer precoce;
  • Investigação de distúrbios do movimento, dentre os quais a Doença de Huntington;
  • Demonstração de danos cerebrais decorrentes do uso de drogas ilícitas (cocaína, crack e heroína);
  • Avaliação de alguns tipos de tumores cerebrais, principalmente quanto ao grau e resposta terapêutica;
  • Uso discutível nas doenças neuropsiquiátricas, podendo auxiliar na investigação de síndromes depressivas, transtornos obsessivos-compulsivos e esquizofrenia.

O exame é seguro?

Sim. Os riscos são mínimos e relacionados apenas a probabilidade de reação adversa a medicamentos (incluindo reação alérgica), sendo o rubor cutâneo temporário (pele avermelhada) a reação mais verificada, não se observando nenhuma reação grave que necessite de hospitalização ou que cause sequela para saúde.

Lembre-se: o exame é contra-indicado em mulheres gestantes ou em amamentação. Caso esteja amamentando, deve-se suspender a amamentação e o contato íntimo com a criança por no mínimo 24 horas após o exame.

Quais são as principais recomendações para o exame?

  • Não é necessário jejum. Alimente-se normalmente;
  • Caso faça uso de medicamentos para ansiedade, depressão ou outra indicação neurológica informe o médico do CERMEN;
  • Procure vestir roupas confortáveis, sem excessos de botões ou peças metálicas;
  • Evite excessos de jóias, brincos, pulseiras;
  • Se possuir, traga exames recentes relacionados com seu caso (cintilografias prévias, tomografia e ressonância do crânio, biópsias, relatórios médicos).

Como é realizado o SPECT de perfusão cerebral?

Por tratar-se de exame que avalia função e metabolismo cerebral, há necessidade prévia de repouso em ambiente escuro e silencioso (mínimos estímulos visuais e auditivos) e punção prévia de acesso venoso. Após 10/15 minutos em repouso, será injetado o radiofármaco através do acesso venoso pré-existente.

IMPORTANTE: evite ficar ansioso, evite abrir os olhos e evite conversar no momento da injeção. Fique calmo! O acesso venoso já existe, não sendo mais necessário qualquer punção e sensação de dor no momento da injeção.
Uma vez injetado o radiofármaco, o tempo de concentração ideal no cérebro para obtenção das imagens é de 15 a 40 minutos. Após este intervalo de tempo, será realizado estudo tomográfico (SPECT), com posicionamento do aparelho junto ao crânio. Será colocado apoio especial de cabeça, com bandagem para evitar movimentação que prejudique a qualidade das imagens cerebrais.

IMPORTANTE: o aparelho de medicina nuclear (“gama-câmara”) realizará uma trajetória circular de 360o, passando muito próximo do crânio. Não mexa a cabeça e evite movimentos do tronco, pois dependendo do grau de movimentação pode ser necessário repetir o exame.

Alameda Augusto Stellfeld, 1727

Bigorrilho - Curitiba - Paraná | (41) 3083-6060